As Soluções da Gardner Denver High Pressure ajudam a tirar a pressão da rede elétrica

Fique tranquilo com a Reavell

Como uma das maiores empresas de gás e eletricidade do mundo, a National Grid tem o papel vital de fornecer energia para milhões de clientes em toda a Grã-Bretanha.

Essencial para esse fornecimento é a operação eficiente do sistema de transmissão de eletricidade, através de uma rede de subestações usadas para alternar circuitos ou transformar
voltagem.

Nós trabalhamos com a rede elétrica britânica há mais de 30 anos, fornecendo sistemas de ar de alta pressão para disjuntores de circuito operacional para manutenção de rotina ou em condições de falha.

Detalhes da Aplicação

Não é incomum para os compressores em cada subestação estar em operação há mais de 40 anos. A rede elétrica britânica National Grid, portanto, tem um programa permanente de trabalhos para substituir os compressores mais antigos por máquinas mais novas como explica Graeme Edwards, engenheiro de suporte operacional da National Grid:

“Existem praticamente 200 subestações na rede que variam de 66 kV a 400 kV, com sistemas de ar comprimido instalados. Em geral, nós fazemos o upgrade de 5 a 10 deles a cada ano. Cada subestação terá tranquilidade com o gabinete da Reavell com dois a quatro compressores de alta velocidade, além de equipamento auxiliar, incluindo controles de placa aérea e compressor. Esses compressores são usados para alimentar os disjuntores de circuito; componentes críticos na nossa rede que cortam a potência imediatamente em qualquer condição de falha, como queda de raios ou danos a um cabo subterrâneo. Isso minimiza todos os danos ao circuito e ao equipamento conectado.
Também estamos continuamente desativando seções da rede para manutenção de rotina ou trocas de equipamentos, portanto, é essencial que os disjuntores sejam alimentados de forma ininterrupta.”

Instalando os compressores

Como parte do trabalho contratado em andamento, as Soluções da Gardner Denver High Pressure instalam dois tipos de sistemas de alta pressão compostos de uma variedade de máquinas de pistão de múltiplos estágios, com resfriamento por ar ou água. O primeiro é para pequenas subestações,
normalmente, até 275kV, em que um sistema de ar comprimido de 40 barg é instalado. O segundo é para estações maiores até 400 kV, em que um sistema de ar comprimido de 207 barg é instalado.

Uma parte importante deste processo é gerenciar a troca dos compressores existentes por novas unidades. Graeme Edwards explica, “Embora tenhamos alguma capacidade excedente em cada compressor e possamos executar por um tempo limitado com disponibilidade de equipamento reduzida, devemos garantir que os novos compressores sejam instalados e comissionados no prazo e de acordo com o cronograma. Há muitas habilidades envolvidas no planejamento e fornecimento dessas instalações, e as Soluções da Gardner Denver High Pressure comprovaram ao longo dos anos que têm a capacidade e a especialização técnica necessárias para gerenciar este processo para nós.”

Selecionando os compressores

Com centenas de compressores instalados em todo o país, a empresa de energia elétrica britânica tem que planejar com cuidado e orçar a substituição.
Cada máquina instalada deve fornecer a confiabilidade e longevidade necessárias para muito anos de operação contínua.

Graeme Edwards continua, “Além de fornecer um produto durável de qualidade, nós também precisamos que nosso fornecedor de ar comprimido seja capaz de fornecer manutenção contínua, peças sobressalentes e suporte técnico, por muito tempo no futuro.

Trabalhamos com as Soluções da Gardner Denver High Pressure por muitos anos agora e, durante este período, os compressores proporcionam alta confiabilidade. Isso, com o respaldo da especialização técnica da empresa, nos ajudou a garantir a confiabilidade de fornecimento elétrico.”

 


"Trabalhamos com as Soluções da Gardner Denver High Pressure por muitos anos agora e durante esse período, os compressores forneceram alta confiabilidade. Isso, com o respaldo da especialização técnica da empresa, nos ajudou a garantir a confiabilidade do fornecimento elétrico.”

- Graeme Edwards, Engenheiro de Suporte Operacional, National Grid